6 sinais que o seu colchão está ruim

6 sinais que o seu colchão está ruim

Um colchão ruim pode fazer toda a diferença na qualidade do seu sono. Venha aprender como descobrir se o seu está ruim e se é hora de trocá-lo!

O colchão é nosso melhor amigo. Afinal, é algo que usamos todos os dias, e passamos um terço das nossas vidas em cima dele. Por isso é tão importante garantir que o seu colchão não só seja o ideal para você, mas que ele também esteja em suas melhores condições.

Por mais que o colchão seja algo duradouro,ele não dura para sempre. E saber os sinais de que está chegando a hora de trocá-lo é essencial para sua saúde e higiene do sono.

6 sinais que seu colchão está ruim

1. A própria validade do colchão

Esse pode ser o mais óbvio, mas muita gente acaba esquecendo. Colchão tem data de validade, assim como outros produtos. A Organização Mundial da Saúde-OMS, recomenda que os colchões devem ser trocados a cada 5 anos e os travesseiros anualmente, em função da quantidade de ácaros e suor que os produtos agregam ao longo deste período, tornando-se prejudiciais à saúde. A Maxflex, especializada em desenvolver e produzir as melhores superfícies para repouso também recomenda a troca de colchões no prazo de 5 anos, pois além do acúmulo de ácaro e suor, após 1825 noite de uso o colchão não apresenta mais os níveis ideais de alívio de pressão e suporte, condições indispensáveis para um sono de qualidade e a saúde da sua coluna.

2. O colchão perdeu a firmeza que tinha

Colchões muito macios não fazem bem para a saúde. O correto é que eles tenham um conforto dinâmico, apresentando  deflexão conforme a pressão realizada, mas oferecendo imediatamente uma resposta de retorno, assim que a pressão é aliviada. Isso é um apoio anatômico correto.

Se você começar a notar pequenos desgastes no seu colchão, ou até mesmo conseguir enxergar onde você estava deitado depois de horas de levantar, é hora de começar a procurar por um novo colchão.

3. Você acorda com dor nas costas

Ok, você conferiu seu colchão e não encontrou nenhuma área de desgaste. Mas ainda assim, você acorda quase todos os dias com dores nas costas e pescoço? 

É um sinal que o seu colchão não está fazendo o dever dele – sustentando todo o seu corpo de maneira adequada. 

4. Você tem dificuldade para dormir ou permanecer dormindo

Você se bate muito para dormir? Fica rolando na cama por horas a fio? Ou, quando consegue dormir, você se pega acordando durante a noite várias vezes, interrompendo o seu sono? 

Se você nunca sofreu com insônia e não está passando por momentos de stress na sua vida, isso pode ser um indício de que é a hora de aposentar seu colchão.

5. Você acorda cansado mesmo depois de uma longa noite de sono

Você até não tem dificuldade para dormir, mas quando acorda de manhã, parece que a noite passou em um piscar de olhos e você não se sente nada confortável. Acredite, isso pode ser culpa do seu colchão. 

6. Você tem crises alérgicas antes de dormir

Sabe aquela crise de rinite chata antes de dormir, com nariz trancado e olhos coçando?

Antes de considerar que o colchão é o problema, confira suas roupas de cama, cobertores e travesseiros. Mas, se nenhum deles está te fazendo espirrar, pode ser um sintoma de que seu colchão já passou do prazo de validade. 

Com o tempo, é normal os colchões acumularem poeira, ácaro e, em alguns casos, até mesmo mofo. Por isso, é importante ficar de olho!

______________________________

Quando estiver enfrentando problemas para dormir, tente dar uma olhada em seu colchão e descobrir o que está acontecendo. Um colchão novo pode ser a solução que você precisa para as suas noites mal dormidas! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *