Entenda por que você tem espasmos musculares durante o sono
Qualidade do sono

Entenda por que você tem espasmos musculares durante o sono

Nada como uma boa noite de sono para começar um novo dia e recuperar as energias. Diferente do soninho da beleza e daquele cochilo que queremos fazer apenas para fechar um pouquinho as pálpebras, uma boa noite de sono é fundamental. O problema é que muitos fatores podem atrapalhar sua noite, como os espasmos musculares durante o sono.

Muita gente tem problemas para dormir e não consegue descansar. Quando acordam, essas pessoas têm a sensação de que a noite foi perdida. Pior ainda: percebem, noite após noite, que a qualidade de vida está caindo.

Isso ocorre porque o sono não é apenas revigorante, trata-se de um momento indispensável para o nosso organismo. Não estamos falando apenas da quantidade de horas de repouso, mas da qualidade do sono que se tem e se merece ter. 

Uma noite mal dormida implica no comportamento, no pensamento, no sistema imunológico e até mesmo na circulação sanguínea.

Neste conteúdo, vamos falar sobre os espasmos musculares durante o sono! Antes, que tal compreender o funcionamento do sono e suas quatro fases?

 

As quatro fases do sono

 

  • 1ª Fase - Sono leve: é um período de transição, que consome apenas 10% do período da noite. Pode-se dizer que é uma transição entre a vigília e o sono propriamente dito, quando as ondas cerebrais desaceleram e a atividade muscular do corpo despenca;

 

  • 2ª Fase - Sono médio: esse período consome cerca de 45% da noite. A principal característica é a das ondas cerebrais, que ficam muito lentas. Diminui também a temperatura do corpo e a pressão sanguínea;

 

  • 3ª Fase - Sono profundo: é fase mais difícil de acordar, porque o cérebro libera ondas muito lentamente. Esse período abrange cerca de 25% da noite. É quando pode acontecer o sonambulismo;

 

  • 4ª Fase - R.E.M.– nesse período do sono, a atividade cerebral está em alta e as ondas cerebrais alcançam a mesma velocidade do estado de vigília. A respiração e pressão sanguínea, também. Essa é fase em que acontecem os sonhos;  

 

Todas as fases são importantes. Nas três primeiras, ocorre a restauração dos tecidos, também o aumento da massa muscular e a liberação do hormônio do crescimento. Na fase R.E.M, é o momento de consolidação da memória e do aprendizado.

O que são espasmos musculares durante o sono?

 

Para obter essa resposta, vamos voltar para a primeira fase do sono, porque é justamente neste período que podem ocorrer os espasmos musculares durante o sono.

A sensação é que, ao adormecer, a pessoa leva um susto. Muitas já sentiram que ao começar a pegar no sono, o corpo deu um pulo ou sentiu que estava caindo. Já aconteceu com você?

É que na transição entre a vigília e o sono podem ocorrer os espasmos musculares. São eles que trazem essa sensação causada por um movimento muscular involuntário.

Os espasmos musculares durante a primeira fase do sono também podem ser chamados de Mioclonia.

Eles são muito comuns e podem ocorrer de forma espontânea ou por conta de algum ruído, luz ou outro estímulo externo de percepção visual, como o movimento.

Fatores como estresse, ingestão de cafeína antes de dormir e fadiga podem aumentar as ocorrências de espasmos musculares durante o sono.

Por isso, muita atenção!

O diagnóstico da Mioclonia é clínico. O paciente precisa fazer exames laboratoriais, acompanhado de um profissional que vai listar as causas e o possível tratamento para corrigir o problema.

Teste de qualidade do sono

Que tal testar a qualidade do seu sono? Fazendo esse teste, você terá condições de medir a qualidade das horas que passa dormindo.

Dormir bem é qualidade de vida! Invista nessa condição que está longe de ser um privilégio apenas para alguns!

Sinta-se a vontade para comentar o resultado do seu teste de qualidade do sono e até mesmo nos contar como foi a sua experiência com esse conteúdo.

Até a próxima. Bom sono e bons sonhos!

MaxFlex

Por Maxflex

Oferecemos as melhores superfícies para repouso conscientizando os clientes sobre o impacto destas na qualidade do sono.